6 principais dificuldades na gestão de cobranças de uma empresa

ma das principais dificuldades em manter uma empresa, especialmente em tempos de crise, é a inadimplência. Afinal, a demora para receber as vendas já efetuadas pode causar um problema grave de fluxo de caixa, prejudicando a saúde financeira da sua empresa. Para evitar esse tipo de situação, é necessária uma boa gestão de cobranças.
Você sabe do que do que o seu negócio precisa? Para não errar na gestão, confira os 6 principais erros que costumam ocorrer nessa área e veja como evitá-los:

Falta de controle interno

Toda empresa precisa ter um entendimento completo sobre quais clientes estão inadimplentes, o montante da dívida de cada um e há quanto tempo esse valor está em aberto. Desorganização administrativa é o maior vilão de um negócio e precisa ser derrotado antes de qualquer ação para diminuir a inadimplência. Caso o seu negócio ainda não tenha realizado esse mapeamento, esse é o primeiro passo a ser dado.

Não reconhecer a importância de controlar as cobranças

Para evitar problemas nessa área, é preciso haver um bom controle das obrigações a receber e dos prazos em que eles vencem. Isso geralmente acontece, mas quando um cliente atrasa, nem todas as empresas sabem como agir. Ter um cronograma estabelecido com as etapas de negociação e cobrança já ajuda os funcionários a encaminharem as faturas em aberto, evitando ainda mais atrasos.

Ausência de análise de crédito

Todo banco que se preze se recusa a emprestar dinheiro para pessoas endividadas. Por isso, não vai ser a sua empresa que vai entregar produtos do estoque para  clientes que estão devendo na praça, não é mesmo?
A melhor forma de evitar que isso aconteça é fazer análises de crédito do CNPJ através de programas de gestão de cobrança. Assim, você tem a opção de só oferecer crédito para aqueles clientes que realmente têm condições de pagar a mercadoria.

Baixa performance na gestão de cobranças

Infelizmente, mesmo com uma análise de crédito assertiva, as inadimplências acontecem. Se você já tem funcionários ou terceirizados responsáveis por fazer a cobrança desses clientes, é imprescindível que esse dinheiro esteja voltando para o seu caixa.
Por isso, uma boa gestão de cobranças vai além de identificar os clientes com problemas nos pagamentos. Ela é responsável por negociar e correr atrás das vias legais que possam trazer o seu dinheiro de volta. Quanto menor for o número de inadimplentes, mais o sistema está funcionando corretamente.

Não ter soluções de negociação

Um cliente que não quita uma dívida pode estar, muitas vezes, passando por dificuldades financeiras. Mais do que incentivá-lo a pagar a conta, é preciso ter estratégias que facilitem o pagamento, como opções de parcelamento, descontos e etc. É imprescindível que essas táticas para recebimento sejam estudadas para cada cliente, facilitando o recebimento da dívida.

Achar que sabe tudo sobre gestão de cobrança

No mundo dos negócios, as informações se transformam rapidamente, especialmente com a entrada da tecnologia para ajudar a organização de diversos setores. Na gestão de cobrança, isso não é diferente. Por ser um fator que mexe diretamente no bolso das empresas, sempre existe alguém desenvolvendo algo novo para reduzir a inadimplência, e um bom empresário deve estar atento a essas novidades.
Sempre há uma forma de melhorar a produtividade e eficiência da gestão de cobrança, seja na eficiência da análise de crédito, em estratégias de negociação e até mesmo no relacionamento com o cliente, evitando que ele deixe de saldar suas dívidas. Estar aberto a esses novos conhecimentos pode fazer toda a diferença para a saúde financeira da sua empresa!
Seguindo alguns passos simples, é possível diminuir consideravelmente as taxas de inadimplência do seu negócio.
http://www.administradores.com.br/artigos/economia-e-financas/6-principais-dificuldades-na-gestao-de-cobrancas-de-uma-empresa/99488/

#Fale conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *