Associação inscreve voluntários para contar histórias em hospitais de PE












Mesmo não sendo médico, enfermeiro ou profissional da área de saúde, uma pessoa pode ajudar, em muito, no tratamento de crianças que estão internadas em hospitais. Voluntários que contam histórias para os pequenos internados ajudam a combater as doenças, transformando a estadia nas unidades de saúde em um momento menos doloroso. A associação Viva e Deixe Viver, que presta esse tipo de trabalho, está com inscrições abertas para voluntários do Recife, através do seu site.


Quando os voluntários chegam, as portas se abrem para a alegria e a imaginação. De acordo com os médicos, o trabalho dos contadores de história ajuda a diminuir o estresse, a ansiedade das crianças internadas e aumenta a aceitação do tratamento, influenciando na recuperação. “Faz com que a criança imagine, saia desse ambiente, se distraia da patologia, melhorando a parte psicológica. Então, temos resultados de benefícios, diminuindo o estresse mental da criança”, contou a pediatra Liana Medeiros.



A associação de voluntários Viva e Deixe Viver, que atua em hospitais de todo o país, está precisando de gente para levar sorrisos onde a dor tende a ser mais forte que a alegria. Atualmente, o número de voluntários não atende a necessidade para visitar todos os hospitais. A única exigência é que a pessoa seja maior de 18 anos.

#Fale conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *