Google quer salvar idiomas em risco de extinção




O Google pretende lançar um plano de digitalização de línguas ameaçadas de todo o mundo, incluindo 52 dialetos indígenas brasileiros. O projeto Idiomas em risco foi lançado nesta quinta-feira (21/6) e ganhou um website que permite explorar em um mapa quais as 3.054 línguas que o Google está tentando salvar  através da tecnologia.

De acordo com a empresa, 50% das linguagens do mundo podem desaparecer até 2100, um prejuízo sociocultural inestimável para o planeta. No website é possível conhecer as linguagens ameaçadas de cada país e descobrir qual o nível de vitalidade de cada uma delas.
Aquelas em “sério risco de extinção” são representadas por pontos vermelhos. É possível assistir vídeos de algumas das línguas e acessar documentos escritos em idiomas antigos.

“Documentar as mais de três mil línguas ameaçadas de extinção é um passo importante para a preservação cultural e para a diversidade”, escrevem Clara Rivera Rodriguez e Jason Rissman, gestores da iniciativa.

A ideia é que os diversos projetos de preservação já em curso sejam integrados sob a bandeira do Google, que deve investir uma boa quantidade de dinheiro na causa.
*Com informações do site Olhar Digital.
Fonte: Familá




___________________________________
PARCEIROS DO CEDEESPE SOMANDO FORÇA POR UM MUNDO MELHOR
- ALIANÇA LGBT/PE - ASSOC.LGBT DE COMUNIDADE E TERREIRO - MNU LGBT -
ENCONTRO AO AR LIVRE (APREDENDO A AMAR AMANDO - AMANDO O PRÓXIMO COMO A TI)
- GRUPO CULTURAL TRONCO D'JUREMA - GRUPO CULTURAL INZO ANGOLA -
EURODATA CURSOS PROFISSIONALIZANTES -

Comentários

#Fale conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *